Nota para o Dia de Finados!

Não falsificar a nossa fé; não esconder a nossa esperança!

Atenção!

Cada vez mais, numa sociedade descristianizada, vai-se dando ao Dia de Finados um sentido não cristão.

Agora falam em Dia da Saudade. Bobagem pagã!

Dois de Novembro é a Comemoração de Todos os Fiéis Falecidos: nesse dia, os cristãos, cheios de doce e certa esperança, colocam no Altar de Cristo, no Sacrifício Eucarístico, a memória e o sufrágio pelos fiéis que morreram em Cristo. Fazem-no na certeza da ressurreição que o Senhor Jesus nos obteve pelo seu mistério pascal.

Que ninguém – dentro ou fora da Igreja – nos desvie do sentido tão belo, suave e profundo deste dia:

“Em Cristo brilhou para nós a esperança da feliz ressurreição.

E, aos que a certeza da morte entristece,

A certeza da imortalidade consola.

Senhor, para os que crêem em vós,

a vida não é tirada, mas transformada.

E, desfeito nosso corpo mortal,

Nos é dado nos céus um corpo imperecível.” (Liturgia latina, Prefácio dos Defuntos I)

Posts Em Destaque