A Igreja católica e as igrejas ortodoxas

Alguns internautas pediram-me um comentário sobre a Declaração de Ravena (2007), na qual nossos irmãos ortodoxos reconhecem que o Papa, como Bispo de Roma é o Prótos, o Primus, isto é o Primeiro dentre os Patriarcas da Igreja.

Assim como os vários Bispos reúnem-se em torno de um Arcebispo Metropolitano e os diversos Arcebispos reúnem-se em torno de um Patricarca, do mesmo modo, os vários Patriarcas têm seu ponto de comunhão no Bispo de Roma. Esta seria, mais ou menos, a configuração da Igreja no Primeiro Milênio do cristianismo, antes da separação entre Oriente e Ocidente...