Meditação 32 | Retiro Quaresmal - "São estas as palavras..."

Reze o Salmo 119/118,73-80 Agora, leia com piedade, com atenção e um coração que escuta Dt 27 – 28 1. Estes são capítulos tremendos! Depois de apresentar as normas, as leis, os mandamentos, expressão da vontade santa do Senhor Deus de Israel, Moisés proclamará as bênçãos e as maldições que esperam o Povo Santo, dependendo do comportamento que tenha em relação ao Senhor Deus! Sim, diante de Deus não se pode ser neutro! O Eterno é o lastro, o sentido, o fundamento, o sustento, a essência da existência das Suas criaturas! Viver Nele, aberto a Ele, é viver; fechar-se para Ele numa autonomia mentirosa, ilusória, vazia, é viver na mentira, na ilusão, é morrer, é viver na Morte do não-sentido, da não-existência, do absurdo eterno! Toda esta tremenda verdade é expressa na linguagem própria dos tratados de aliança do antigo Oriente Médio, que terminavam evocando bênçãos e maldições sobre quem obedecesse ou desobedecesse ao acordo feito! É disto que tratam estes capítulos. Interes