Please reload

Posts Recentes

Is 53,10-11

Sl 32

Hb 4,14-16

Mc 10,35-45

Comecemos observando o Evangelho.

Notemos como os dois irmãos, Tiago e João, se dirigem a Jesus: “Queremos que faç...

Homilia para o XXIX Domingo Comum - Ano B

October 23, 2018

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

Meditação de Advento - Terça-feira da I SemanaIs 11,1-10

December 5, 2018



Texto conhecido, este do Profeta Isaías: fala do Ramo, do Rebento que viria da Casa de Davi.
Um brotinho pequeno, humilde, nascido do velho tronco da casa real de Judá.

Esse Rebento, seria o Ungido, o Meshia, o Cristo: Ele estaria cheio, repleno do Espírito do Senhor Deus, ungido com a Unção, que é o próprio Espírito que repousaria perenemente sobre Ele.

Porque pleno do Espírito e pelo Espírito conduzido, esse santo Messias tudo faria na temor do Senhor, isto é, na profunda obediência e reverência ao Deus de Israel, a Quem Ele mesmo chamaria de "Pai", "Meu Pai"!

Messias obediente, pobre, humilde... E, por isso, mesmo, portador de incontrastável poder: Sua palavra feriria, sacudiria, corrigiria; Seu sopro - Sopro que é o Espírito que O habita - mataria, eliminaria o ímpio e a impiedade!
Até que surgisse a paz, o shalom que o Senhor Deus nos promete, que o pecado afasta e que o Messias haverá de estabelecer na terra!

Lobo e cordeiro, leopardo e cabrito, novilho e leão, menino e víbora, vaca e urso serão amigos, reconciliados... No nosso coração e no coração do mundo!
Com o Reino do Messias não mais haveria o mal, não mais a destruição, porque a terra inteira e cada coração estariam cheios do conhecimento, do temor, do respeito do Senhor Deus, como as águas enchem o mar.
Mas, quando isto acontecerá?

O Messias veio, é Jesus!
Sim! E com Ele chegou o Reino, brilhou a salvação: Ele é a nossa paz, o nosso Shalom!
O coração, a comunidade, o povo que para Ele abre a existência encontram Nele o Shalom!
Mas, a bênção que Ele já trouxe, somente alcançará a plenitude no Fim, na Sua Manifestação final, no Dia da Sua Aparição: "Naquele Dia, a Raiz de Jessé, que Se ergue como um sinal para os povos, será procurada pelas nações, e a Sua morada se cobrirá de Glória".

Eis o Advento:
Alegra-se pela salvação prometida no Antigo Testamento e iniciada com a Vinda do Salvador na nossa carne.
Sim, Ele está conosco, na Sua Palavra, nos Seus sacramentos, na Sua Eucaristia.

Mas, atiça ainda mais no nosso coração a saudade, o desejo de que passe logo este mundo e venha a plenitude da salvação e da graça do Santo Messias: "Vinde, Senhor Jesus!"- a Igreja exclama em cada Eucaristia, logo após a consagração, quando, debaixo dos humildes sinais, encontra-Se escondido o Emanuel. Sim, ante da consagração, exclama: "Bendito o que vem em Nome do Senhor", em Nome do Pai. Depois da consagração, insiste: "Vinde, Senhor Jesus!" E, assim, deve a Igreja, devemos nós pedir, implorar constantemente, até o Dia Final: "Naquele Dia, o Senhor tornará a estender a Sua mão para resgatar o Resto do Seu Povo!" (Is 11,11).

Eis aí, Irmão!
Por Ele espere! o Seu Dia vem!
Tenha coragem, apesar de tudo!
Tenha coragem: Jesus, o Messias, já vem! Vem logo!
Viva neste certeza; viva por esta certeza!
Quem nos chamou é fiel! Quem prometeu é fidelíssimo!
Coragem: Jesus já vem! 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags