Please reload

Posts Recentes

Is 53,10-11

Sl 32

Hb 4,14-16

Mc 10,35-45

Comecemos observando o Evangelho.

Notemos como os dois irmãos, Tiago e João, se dirigem a Jesus: “Queremos que faç...

Homilia para o XXIX Domingo Comum - Ano B

October 23, 2018

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

A Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo Lucas - X

April 16, 2019

 

Os guardas caçoavam de Jesus e espancavam-No; cobriam o Seu rosto e Lhe diziam: “Profetiza: quem foi que Te bateu?’ E O insultavam de muitos outros modos (Lc 22,63-65).

 

É grotesca a cena narrada no santo Evangelho: exposição ao ridículo, espancamento, insultos... Precisava a salvação do mundo incluir detalhes tão baixos, tão pouco nobres, tão pouco elegantes?

 

Hoje se tem uma tendência fortíssima de reduzir a nossa fé cristã a ideias: direitos humanos, solidariedade, valores do Reino, igualdade, cuidado com o meio ambiente, inclusão... Mas, a nossa fé é muito mais que isto! É a adesão à Pessoa adorável de Jesus nosso Senhor! A salvação não se deu por uma teoria, por uma ideia abstrata e aceitável por todos!

 

O mistério de nossa redenção, caro Irmão, exigiu, de um modo que somente Deus sabe e nós nunca saberemos completamente, a Encarnação do Filho eterno: fez-Se homem, habitou nove meses num ventre, nasceu e cresceu como qualquer criança, passou pelos anos silenciosos de Nazaré, suou debaixo do sol quente da Palestina, cansou-Se, teve fome e sede, caiu em sono profundo naquele barco em plena tempestade, teve medo da morte, angustiou-Se...

 

Deus quis, Deus quer que a salvação passe pelo concreto de nossa existência: pelos nossos joelhos dobrados diante do Santíssimo, pela obediência às Sagradas Escrituras e à fé católica, pelo zelo para com os ritos litúrgicos, pelo jejum e a abstinência de carne de verdade, pelo esforço sincero de crescer nas virtudes como a castidade, a pureza de coração, a pobreza, o espírito de serviço aos irmãos...

 

Não! Não se pode ser discípulo de Cristo só com ideias: a coisa é concreta! Concreta como aqueles escarros, como as cusparadas e bofetadas, concreta – e, por vezes, ridícula – como aquele pano colocado como tampão no rosto do Salvador!

 

Nós Vos adoramos, Santíssimo Senhor Jesus Cristo, e Vos bendizemos, porque pela Vossa santa Cruz remistes o mundo!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags