A Paixão de nosso Senhor Jesus Cristo segundo Lucas - VI

E Jesus lhes perguntou: “Quando vos enviei sem bolsa, sem sacola, sem sandálias, faltou-vos alguma coisa?” Eles responderam: “Nada”. Jesus continuou: “Agora, porém, quem tiver bolsa, deve pegá-la; do mesmo modo, quem tiver uma sacola; e quem não tiver espada, venda o manto para comprar uma. Porque Eu vos digo: É preciso que se cumpra em Mim a palavra da Escritura: ‘Ele foi contado entre os malfeitores’. Mas eles disseram: “Senhor, aqui estão duas espadas”. Jesus respondeu: “Basta!” (Lc 22,35-38).

Palavras que parecem tão misteriosas, estas de Jesus. E, no entanto, são simples e dramáticas. Após anunciar o combate que Pedro terá de enfrentar – e no qual será derrotado, negando o seu Mestre -, Jesus os exorta à confiança - Nada vos faltou! – e a que se preparem para o combate. A ideia aqui é a de uma batalha: é preciso fazer provisões e armar-se, pois o inimigo é forte: é o Príncipe deste mundo, é o Poder das Trevas, que de tal modo subverte a verdade, a ponto de fazer o Justo e Santo passar por um malfeitor e como tal ser condenado...

Nestes tempos em que acompanhamos, impressionados, uma suja, persistente e raivosa campanha de parte poderosa dos meios de comunicação contra o cristianismo e