Please reload

Posts Recentes

Is 53,10-11

Sl 32

Hb 4,14-16

Mc 10,35-45

Comecemos observando o Evangelho.

Notemos como os dois irmãos, Tiago e João, se dirigem a Jesus: “Queremos que faç...

Homilia para o XXIX Domingo Comum - Ano B

October 23, 2018

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

Retiro Quaresmal 2020 - Introdução

February 26, 2020

Retiro Quaresmal 2020 - Introdução

 

 

 

“Felizes aqueles que se abrigam no Senhor!” (Sl 2,12)

 

 

Caro Amigo, Irmão no Senhor,

 

Já há alguns anos, tenho oferecido aos que frequentam minhas redes sociais – site, blog, twitter, instagram e facebook – um caminho quaresmal, sempre comentando algum livro das Escrituras Sagradas. Este ano não será diferente: a partir de amanhã, quinta-feira após as cinzas, iremos juntos percorrer os livros de Tobias, Judite e Ester. São narrativas edificantes, escritas sob a inspiração do Espírito de Cristo para alimentar a fé e a piedade do antigo Povo de Deus em momentos de aflição e grandes provações. Estes livros ainda hoje têm esta utilidade no coração da Igreja, novo Israel, novo Povo de Deus. São livros profundamente comoventes e edificantes, que nos incitam à confiança no Senhor e a uma vida de piedade.

 

Infelizmente, estes livros sagrados, utilizados pelos Santos Padres da Igreja Antiga, foram retirados das Escrituras pela tradição protestante, privando muitos cristãos não somente de uma parte da Palavra de Deus, mas também de narrativas verdadeiramente edificantes e salutares para nos motivar na entrega ao Senhor e na confiança absoluta na Sua fidelidade. Temas como a prática fiel da religião, a oração, a esmola, o jejum, a humildade, a confiança no Senhor são recorrentes nestes três escritos.

 

Sobre estas três obras discute-se muito: não se sabe quem as escreveu, não se tem certeza sobre o quando ou o onde foram escritas. Também é impossível determinar o núcleo histórico, isto é, os acontecimentos que possam ter originado essas narrativas. Mas, nada disto nos deve preocupar minimamente. Importa realmente que são textos inspirados, são Palavra de Deus e nos ensinam verdadeiramente o caminho da Vida. Para elas vale plenamente o ensinamento do Apóstolo: “Toda Escritura é inspirada por Deus e útil para instruir, para refutar, para corrigir, para educar na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito, qualificado para toda boa obra” (2Tm 3,16). Por isto mesmo, nunca devemos deixar de perscrutar com ouvidos e coração abertos, procurando nas Santas Letras a Vida que nos vem do Cristo Senhor na potência do Seu Espírito. É isto que desejamos ao comentar estas três narrativas sagradas. Lendo-as com profundo espírito de fé e reverência, deixando-nos guiar pelo Espírito do Senhor, que inspirou as Escrituras e inspira a Igreja na sua leitura e interpretação, podemos recordar as palavras belíssimas do Profeta Baruc: “Felizes somos nós, Israel, pois aquilo que agrada a Deus a nós foi revelado” (4,4).

 

Então, com sede de ouvir o Senhor, com piedade e unção, a partir de amanhã, começaremos nosso caminho quaresmal rumo à santa Páscoa, tendo nas mãos Tobias, Judite e Ester. Que nos ajude o Senhor, dando a mim a iluminação do Espírito para escrever e comentar com fé e desejo de descobrir para os irmãos as riquezas da Palavra de Deus, e a você, a luz do Espírito para compreender, acolher e viver, pois as palavras do Senhor são palavras para serem colocadas em prática, tornando-se Palavra de Vida eterna!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags