Please reload

Posts Recentes

Is 53,10-11

Sl 32

Hb 4,14-16

Mc 10,35-45

Comecemos observando o Evangelho.

Notemos como os dois irmãos, Tiago e João, se dirigem a Jesus: “Queremos que faç...

Homilia para o XXIX Domingo Comum - Ano B

October 23, 2018

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

Meditação XI: Conselhos de sabedoria

March 10, 2020

 

 

Reze o Salmo 119/118,81-88

Como lectio divina, leia o belo capítulo 4 de Tobias.

 

1. Este capítulo é um dos mais belos de todo o Livro de Tobias. Traz conselhos verdadeiramente preciosos, plenamente válidos ainda agora, nos nossos tempos. O cristão os relê com comovida gratidão, reinterpretando-os à luz do Cristo nosso Deus – é assim que lemos e meditamos o Antigo Testamento: à luz do Cristo! Vamos, pois, sem pressa, saborear e aprofundar estes versículos...

 

2. Primeiro que tudo, os vv. 1-2: o velho Tobit lembrou-se do dinheiro que havia depositado com um amigo... Era uma boa quantia, cerca de 440 quilos de prata, que tiraria Tobit e sua família da pobreza em que se encontrava. Aqui, nestes dois versículos, aparece a misteriosa providência do Senhor Deus, que com discrição, vai dirigindo os tempos da nossa vida. Tobit recordou-se desse dinheiro porque o Senhor fê-lo recordar.... É assim que Deus age: “Nós sabemos que Deus coopera em tudo para o bem daqueles que O amam, daqueles que são chamados segundo o Seu desígnio” (Rm 8,28). E, no entanto, somente aquele que tem fé, somente aquele que reza, somente aquele que é atento ao Senhor e Sua obras, pode perceber e reconhecer essa divina providência. Os descuidados com as coisas de Deus, os que não rezam, veem somente o acaso, a coincidência, a sorte, o destino; nem percebem o Senhor... É quando cremos verdadeiramente que a realidade se enche de sentido e descortinamos uma Presença amorosa, cuidadosa e potente tomando nas Sua mãos o caminho da nossa vida! Leia o belíssimo poema do Livro da Sabedoria, mostrando como Deus pilota o barco da nossa vida! Não os ídolos vãos, as vãs seguranças, mas o Senhor, Ele pilota a nossa vida com a Sua providência: Sb 14,1-10. Procure pensar: você confia realmente na providência divina? Tente identificar as marcas da providência na sua vida! Bendiga, louve e agradeça ao Senhor que tudo tem nas Suas mãos benditas! Reze o Sl 39/38.

 

3. Releia os vv. 3-5. A vida humana não é simplesmente um punhado de dias, não se resume a viver de qualquer modo e morrer de qualquer jeito! Quando se percebe que o ser humano é um mistério, que ele é uma seta para o Infinito, uma saudade do Eterno, quando se vive diante de Deus, nosso caminho sobre a terra enche-se de sentido e nossos dias tornam-se uma bênção, porque se transformam em sementes de Eternidade.

Esse sentido sagrado da vida e do que fazemos com ela transparece de modo comovente nas palavras do velho Tobit ao seu filho Tobias. Enquanto hoje considera-se a morte como um mal absoluto ou uma fatalidade inexorável e até mesmo um modo de escapar da vida rumo ao nada, ao vazio, ao não-ser, o velho Tobit recomenda ao filho que lhe dê uma digna sepultura. O ser humano não é um animal qualquer: é imagem de Deus, de modo que sua vida é sagrada. Leia Gn 1,26-31; 9,5-7. É sintomático, tristemente sintomático: sem Deus, supervalorizamos os animais irracionais e menosprezamos o ser humano. Nas redes sociais, cachorros e gatos ganham alma imortal e entram no “céu” (sabe-se lá em que céu!) e os seres humanos parecem uns seres quaisquer, até mesmo piores que os demais! Reze Mt 6,28b-30 e o Sl 8.

Tobit sabe que sua vida e sua morte estão nas mãos do Eterno. Mesmo que na época dele não se soubesse ainda da existência da ressurreição dos mortos e se pensasse que os falecidos ficariam num sono para sempre, a certeza de que Deus cuida dos Seus e nunca perde de vista os filhos de Adão era ainda mais forte (cf. Is 38-20)! Pense um pouco no valor da sua vida, do quanto você é visto com amor e misericórdia pelo Senhor. Pense no valor seu e dos seus irmãos. Reze o Sl 34/33.

 

4. Agora, veja bem as palavras do velho Tobit a respeito de sua esposa, Ana, a mãe de Tobias! São realmente comoventes: quanta admiração pela esposa, quanta delicadeza, quanto cuidado! E o delicado pedido para que a esposa seja sepultada com ele! E isto numa sociedade patriarcal! Quando o homem verdadeiramente teme a Deus, como seu coração se enche de delicadeza! Num tempo de feminismos doentios, que descaracterizam a mulher e desejam que ela seja igual ao homem, como se o feminino em si mesmo não valesse a não ser que seja masculinizado, que palavras tão cheias de beleza! Leia Pr 31,10-31. O respeito para com sua mãe, que Tobit recomenda ao seu filho, é um reflexo do mandamento do Senhor Deus: “Honra teu pai e tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dará” (Ex 20,12). O preceito de honrar, de venerar, de respeitar os pais – e isto inclui os mais velhos da família e da comunidade – tem pleno valor entre os cristãos, sobretudo hoje em dia, quando os idosos são descartados e menosprezados como inúteis e ultrapassados. Leia atentamente Eclo 3,1(2)-16(18); Ef 6,1-4; Cl 3,20s. Reze o Sl 128/127

 

5. Releia os vv. 5-6. Teme de verdade o Senhor, ama-O de verdade quem guarda no seu coração a santa memória do Altíssimo e dos Seus preceitos! Recordar-se Dele com amor e viver nos Seus mandamentos é caminhar na verdade, é viver a existência com um sentido, plantando nos dias deste tempo a Eternidade. Leia Jo 14,23-24; 2Tm 2,8. Pense bem: hoje existe muitos cristãos que imaginam um amor a Deus totalmente descomprometido com a vida, como se o amor ao Senhor fosse um sentimento invertebrado, feito de palavras e boas intenções superficiais. O amor a Deus, o seguimento do Cristo Jesus exige sair de si, exige conversão. Isto é viver na justiça do Reino de Deus, isto é, na santidade do Reino. Nestes conselhos de Tobit, justiça significa retidão diante de Deus e dos Seus preceitos, piedade, temor de Deus.

 

6. Por agora, é suficiente. Continuaremos meditando sobre estes conselhos na próxima meditação. Agora reze o Sl 33/32.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags