Please reload

Posts Recentes

Is 53,10-11

Sl 32

Hb 4,14-16

Mc 10,35-45

Comecemos observando o Evangelho.

Notemos como os dois irmãos, Tiago e João, se dirigem a Jesus: “Queremos que faç...

Homilia para o XXIX Domingo Comum - Ano B

October 23, 2018

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

Homilia para a Vigília Pascal - Ano A

April 11, 2020

 

 

 

 

Irmão caríssimos, Cristo, o nosso Senhor, o nosso Cordeiro pascal, suspenso na Cruz como homem de dores, feito nosso Sumo Sacerdote, nosso Salvador, Ele, Cristo, ressuscitou!

Ouçamos atentamente, nesta Noite santíssima - Noite testemunha do túmulo vazio, Noite bendita, clara como o dia -, ouçamos as santas palavras do Evangelho! Era após o sábado dos judeus, sábado da antiga criação, sábado da antiga Lei, da antiga Aliança. Era “após o sábado”... (v. 1). Era o raiar de um dia novo, “o primeiro dia” (v. 1), como na criação, quando o Senhor Deus disse: “Haja luz” (Gn 1,3) e houve luz e Deus viu que era bom (cf. Gn 1,2). Era o raiar, o despontar luminoso do primeiro dia do mundo, do mundo novo, mundo Daquele que veio para fazer novas todas as coisas (cf. 2Cor 5,17; Ap 21,5)!

E as mulheres, nossas irmãs, vieram ao jardim; vieram “para ver o sepulcro” (v. 1), para ver o lugar de um morto, Daquele que fora crucificado (cf. v. 5)!

E o Anjo do Senhor, poderoso, forte, fulgurante como um relâmpago (cf. v. 3), anunciou-lhes: “Ele não está aqui, pois ressuscitou, como havia dito!” (28,5) Eis a notícia, eis o Evangelho, eis a causa da nossa alegria, a razão da nossa esperança, eis a certeza da nossa vida: o nosso Salvador, Jesus Cristo, venceu a morte, saiu dela, levantou-Se dela, entrou na Glória do Pai: Cristo ressuscitou como havida dito! Ele é potente, Ele é verdadeiro, Ele é fiel, Ele é vitorioso, Ele ressuscitou do meio dos mortos! Ele, o mesmo que havia dito que ressuscitaria, dissera também que nos prepararia um lugar e onde Ele estivesse em Glória, estaríamos nós também (cf. Jo 14,1-3).

Alegrai-vos! Alegremo-nos! Alegre-se a Igreja! Rejubile a humanidade! Cristo ressuscitou e, Nele, nós ressuscitaremos! Cristo venceu a morte e, Nele, nós venceremos! Cristo entrou na plenitude da Vida divina e, Nele e com Ele, nós também entraremos! Páscoa de Cristo Jesus, nossa Páscoa, Páscoa do mundo!

 

Irmãos, observai o Evangelho que escutamos: tudo é surpresa, é alegria, é pressa, é colocar-se a caminho! Era necessário que as mulheres, nossas irmãs, corressem até os discípulos e lhes anunciassem a grande novidade: Ele ressuscitou! Venceu a morte! Ele os precederia na Galileia, na região mestiça, habitada por judeus e gentios, “Galileia das nações” (Mt 4,15) Seria lá, na Galileia que representa todos os povos, lá, no meio do mundo, não mais em Jerusalém, não mais nos limites do judaísmo, do Templo, da Lei de Moisés, a partir de agora será no meio das nações que o Ressuscitado espera os Seus; é lá que poderão vê-Lo! Ele os precede, vai adiante, os espera, os acompanha, os protege, estará sempre com eles, lá, no mundo! É assim que também nós poderemos encontrá-Lo, experimentar a Sua presença e Sua companhia. Lá poderemos comprovar a Sua palavra: “Eis que estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos” (Mt 28,20).

Queridos irmãos, eis o que nos diz o Senhor: somente quando tivermos coragem de testemunhá-Lo diante dos outros, de irmos ao mundo, aos outros, é que poderemos vê-Lo, isto é, experimentá-Lo vivo, com toda a Sua força! Isto vale para cada discípulo, isto vale para toda a Igreja, sobretudo para os seus pastores! Vamos, pois, corramos “comovidos” (v. 8), como as mulheres, para anunciar que o Senhor ressuscitou! Porque elas foram, porque não receberam a notícia com medo, com dúvidas, com covardias e hesitações, mas com coragem e entusiasmo, Jesus veio ao encontro delas (cf. v. 9), o Senhor lhes deu a Sua alegria e entusiasmo pascal: “Alegrai-vos! Não temais” – Ele lhes disse (vv. 9s). E as confirmou na missão de toda a Igreja: “Ide anunciar aos Meus irmãos que se dirijam à Galileia; lá Me verão!” (v. 10).

 

Caríssimos, Cristo, por nós, foi crucificado; Cristo, por nós, morreu; Cristo ressuscitou! E, agora, chama-nos de “Meus irmãos”! Caríssimos, o nosso Irmão Jesus ressuscitou! Ele é o Vivente (cf. Ap 1,18), Ele é o Senhor (cf. Fl 2,11)! Ide, anunciai com a palavra e com a vida esta mensagem pascal ao mundo! E que a luz pascal ilumine todas as nossas trevas e as escuridões do mundo! Feliz Páscoa a todos! Surrexit Dominus vere! Alleluia!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags